sexta-feira, 4 de fevereiro de 2011

Você já comprou roupas usadas? (Por Leticia Pontes)*

Eu já, e posso dizer que adorei!

Aqui em Estocolmo há uma porção de lojas second hand (brechós) com coisas incríveis e preços maravilhosos. O legal dessas lojas é a possibilidade de se encontrar peças diferentes, coloridas e que representem seu estilo…

Por causa do clima frio e da cultura, roupas coloridas não são muito populares por aqui mas eu, como boa brasileira, não conseguia ficar sem algo colorido no armário.
dssdhfis
Andei por toda a cidade procurando cores nas lojas porém, a única cor viva que aparece nas vitrines com alguma freqüência durante o inverno é o vermelho num tom bem quente e o que eu queria eram peças que fossem em pink ou verde-água, azul royal, roxo, amarelo, etc…
kdhsiduhfsiu
Certo dia, lendo revistas e blogs, descobri que as peças coloridas que eu tanto desejava estavam disponíveis em lojas second hand. Foi aí que mudei o roteiro das minhas caminhadas pelo centro e acabei conhecendo uma loja inglesa chamada ”Beyond Retro”.
kjdhsdihfsid
Se você estiver de passagem por Londres, por exemplo, não deixe de visitá-la. Lá tem de tudo: roupas de inverno e verão, bolsas, sapatos, acessórios para homens e mulheres e muito mais.
djsdfsd
Em novembro deste ano, com a chegada do inverno, fui ate lá tentar realizar meu sonho: ter um casaco de pele (falsa, lógico!) e que de preferência não fosse totalmente preto.

Havia uma variedade imensa de opções de casacos, mas a maioria, infelizmente, era em preto. Eu queria algo que fosse um pouco diferente, pois se já não bastasse a falta de sol, é só essa cor que as pessoas daqui costumam usar. Por isso, optei por um listrado preto e cinza (é realmente difícil fugir completamente do preto). E sabem quanto eu paguei por ele? 150 reais! Um novo, na Zara, por exemplo, custava 300 reais.

Mas na verdade, o que eu acho mais legal de comprar roupas em second hand é a possibilidade de encontrarmos peças que realmente representam nosso estilo, nossa personalidade.

Só comprando roupas em lojas ”normais”, se não temos muita paciência ou não nos sentimos seguras para fazer combinações diferentes, acabamos saindo vestidas exatamente igual a muitas outras pessoas. E a nossa identidade onde fica?

O casaco da Zara, aquele que eu havia gostado, vi pelo menos umas quatro pessoas usando o mesmo modelo. O meu, da Beyond Retro, só eu tenho…

A dica, para dar um toque de personalidade ao seu look, é procurar comprar acessórios em ”second-hand” ou feirinhas. Com uma pesquisa rápida no Google para saber os pontos de venda, tenho certeza que encontrará coisas incríveis!

E se você estiver de passagem marcada para a Europa, tente deixar um dia só para garimpar esses tesouros e encontrar peças de muito estilo!
dshlsidfhl
lvçsdjçajvkvldvkdlfv
*Leticia Pontes é Consultora de Imagem (www.leticiapontes.com), atua no mercado de moda e imagem desde 2006.
Colabora escrevendo sobre produtos e lojas que conheceu e situacões interessantes que vivenciou desde que se mudou para a Suécia.

4 comentários:

  1. Gostei dessas dicas! Muito boas!

    ResponderExcluir
  2. Carla Martins04 fevereiro, 2011

    Puxa, essa dica é bem legal! Eu também recomendo, aqui em São Paulo costumo comprar numa loja chamada Minha Avó Tinha (Rua tapicuru, 760 Perdizes Fone:(11)3865-1759), lá também encontrei casacos, saias, acessórios maravilhosos...
    ADOREI a matéria!!!

    ResponderExcluir
  3. Excelentes dicas. Tá aí uma forma de economizar e vestir-se bem. Nunca havia pensado nisso. Daquí para frente vou garimpar nos brechós.

    ResponderExcluir
  4. Marina Pontes Filandra04 fevereiro, 2011

    Adorei o site da Beyond Retro. Além de muitas opções bacanas, é muito bonito!
    Valeu pelas dicas!

    ResponderExcluir